Imagem com Logo e Redes Sociais do Mundo Mar

Os números de um Salão Náutico que entrará para a História

Com mais de 71.000 visitantes o salão náutico de Genova mostrou mais uma vez o milagre que aconteceu na organização desta edição realizada em meio a maior pandemia da história, justo em uma edição comemorativa aos 60 anos deste que é um dos mais importantes salões náuticos do mundo.


Uma edição que simboliza coragem, qualidade, know-how italiano e um forte sinal para o reinício da economia, que acabou virando os holofotes do Salão e da cidade para todo o mundo com a adoção de protocolos extremamente rigorosos, o salão mostrou o quanto podemos continuar vivendo e trabalhando o fortalecimento desta e outras economias se todos estiverem conscientes dos seus atos e cumprirem as normas impostas pelo que exige o momento.


O 60º Salão Náutico ficará arquivado na historia da nautica mundial, o sucesso ultrapassou as expectativas face à urgência sanitária que não afrouxou em nenhum momento, uma edição que não se tem comparação com nenhuma outra edição anterior, e que cumpriu as recomendações da Organização Mundial de Saúde e do Comité Técnico Científico. 


A mostra contou mais uma vez com o apoio das instituições, da Agência Ice, que possibilitou a participação de 22 jornalistas estrangeiros de 20 países através da organização de corredores verdes dedicados, e do Simest, que permitiu às empresas ativar instrumentos de financiamento, inclusive não reembolsáveis, para participação deles em feiras internacionais. 

Durante os seis dias de evento foram realizados 73 eventos entre conferências, seminários, workshops técnicos, conferências e apresentações, 18 estreias mundiais de barcos, incluindo Mambo , o primeiro barco do mundo inteiramente feito com tecnologias de impressão 3D


A participação imprescindível em um evento como este da Polícia, os Carabinieri, à Guardia di Finanza, à Marinha, à Autoridade Portuária, à Protecção Civil, à ASL, que apoiaram na aplicação do protocolo de segurança e garantiram que visitantes e expositores se sentissem seguros.


Foram:

820 jornalistas credenciados, e varias outros jornalistas de outros países que neste ano não puderam estar presentes e mesmo assim realizaram cobertura pelo mundo.

Mais de 1.300 reportagens publicadas

Mais de 40 horas de streaming ao vivo.

Mais de 6 horas de cobertura de TV e mais de uma hora de cobertura de rádio dedicada ao evento. 


Foram:

71.168 visitantes

824 expositores numa área de mais de 200 mil metros quadrados de espaços em terra e na agua, 90% destes ao ar livre


Durante a edição foi assinado mais um audacioso convênio de dez anos que contemplará um novo cais, na Orla Leste, que agregará mais 400 mil metros quadrados para que o Salone Náutico se torne o primeiro Salão Náutico do mundo.

Coragem, desenvoltura, mas acima de tudo resiliência, a capacidade de se adaptar aos momentos difíceis e saber transformá-los em oportunidades.


O fato deste 60º Salão ter sido celebrado enquanto outros se fechavam, mostrou a grande coragem e união dos empresários, da Administração Pública e do público que não perdeu a oportunidade de participar e ver peças únicas de design sem ser aniquilado pelo medo. 

Todos os dias do Salão foram registrados a capacidade máxima de pessoas possível, levando em consideração os regulamentos Anti-Covid. 

Uma edição ímpar, que expressou uma mudança de paradigma, que registou uma forte presença de público qualificado, especializado e orientado para o negócio. 


Os Marinheiros de verdade são vistos quando o mar está revolto e assim foi esta edição onde os tempos revoltos deixaram os marinheiros que vivem e amam o mundo mar mostrar sua força e habilidade

.