top of page
Blue Ocean Elegant YouTube Channel Art (8).png

Joana Gonçalves e Gabriela Vassel são campeãs do Brasileiro de 420



Pela primeira vez na história uma dupla feminina conquistou o troféu transitório da classe 420. Joana Gonçalves e Gabriela Vassel do ICRJ - Iate Clube do Rio de Janeiro lideraram a flotilha do Brasileiro Sub-23, com 26 duplas participantes. Além das campeãs, o ICRJ levou a medalha de prata e bronze no campeonato sediado no Veleiros do Sul, em Porto Alegre (RS).


O pódio do Brasileiro da Classe 420 Sub-23 teve o sotaque bem carioca. Joana Gonçalves e Gabriela Vassel, Lucas Freitas e Victoria Back e Pedro Muricy e Pedro Cotrim levaram as principais medalhas.


A timoneira Joana Gonçalves e a proeira Gabriela Vassel disputaram todas oito regatas e somaram 10 pontos na classificação geral. ''Estou muito feliz! Eu e Gabriela Vassel treinamos vários dias para fazer um bom resultado no Brasileiro. Não esperávamos chegar ao título e ser a primeira dupla feminina conquistando o troféu. É incrível!'', disse Joana Gonçalves, velejadora do ICRJ.


A preparação do time do Rio de Janeiro foi realizada pelos técnicos Felipe Toledo e Rubem Neto, que são responsáveis pelo time ICRJ. ''Muito orgulhoso do desempenho da equipe ICRJ. Todos mantiveram o cronograma de treino e sabiam da importância do nacional de 420 Sub-23. Joana Gonçalves e Gabriela Vassel mereciam o título! Elas velejaram bem desde o primeiro dia de regata e mantiveram a regularidade em todo campeonato'', afirmou Felipe Toledo, técnico do ICRJ.


A renovação da vela brasileira na confederação ganhou ainda mais força em 2020 sob os olhares de Juan Sienra. A CBVela atende atletas da nova geração da modalidade visando os Jogos Olímpicos de Paris 2024, Los Angeles 2028 e Brisbane 2032.


Todos os treinos, clínicas e competições envolvendo a Vela Jovem foram supervisionados pelos treinadores da CBVela. A parceria da Confederação Brasileira de Vela (CBVela) com a Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania foi definida no fim de 2021, implantando o primeiro Núcleo de Base para a modalidade Vela (NEBAR) para apoiar a preparação de todas as equipes brasileiras da modalidade em suas categorias de base.


A sede oficial do projeto é a Marina da Glória, palco das regatas da Rio 2016 e de outros grandes eventos da vela.


O próximo campeonato nacional será a Copa da Juventude 2023, entre nos dias 29 de janeiro e 4 de fevereiro, na raia da Represa Guarapiranga, que terá participação da classe 420, no Yacht Club Santo Amaro, com organização da CBVela - Confederação Brasileira de Vela.


Foto: @fseccofoto

Commenti


bottom of page