Imagem com Logo e Redes Sociais do Mundo Mar

CBVela promove segundo training camp no Rio de Janeiro


A nova geração da vela brasileira participa nesta semana do || Training Camp promovido pela CBVela - Confederação Brasileira de Vela na Marina da Glória, no Rio de Janeiro (RJ).


Os atletas terão até o domingo (5) atividades dentro e fora d’água visando melhorar o desempenho da equipe, que terá pela frente eventos destinados às categorias de base como o Mundial da Juventude de Haia, na Holanda, no segundo semestre.


As classes escolhidas para o || Training Camp da CBVela fazem parte do calendário de regatas do Mundial da Juventude, como Fórmula Kite, 29er, NACRA 15, ILCA 6, 420 e iQFoil. Foram selecionados 40 atletas jovens para a clínica de vela na capital fluminense, incluindo todos os brasileiros classificados para o evento da modalidade voltado aos jovens.


Os treinos são comandados por Juan Sienra, supervisor técnico da CBVela com os treinadores Cláudio Biekarck, Ricardo Paranhos, Henry Boening e Maria Hackerott. ''Desta vez vamos dar mais ênfase na parte técnica, com um treinador específico para cada classe do Mundial da Juventude'', disse Ricardo Paranhos, um dos treinadores da CBVela.


''É um intensivo de cada classe jovem, diferente dos outros treinos estamos dando atenção em cada classe em especial, o outro teve uma pegada de interação para formar o espírito de time. Temos um treinador especialista para cada classe fazendo acompanhamento de cada velejador do início ao fim do campeonato. Durante a clínica vai ter muita teoria e muita prática, no cronograma não tem hora de descanso, apenas pausa para o almoço''.


A primeira edição do Training Camp ocorreu em abril, no Clube Naval Charitas, em Niterói (RJ). Os treinamentos foram viabilizados por meio da Secretaria Especial de Esportes do Governo Federal e CBVela. O apoio é da BR Marinas e do Time Brasil. A ideia da CBVela é realizar mais training camps durante o ano e a iniciativa tem como principal apoiadora a Secretária Nacional do Alto Rendimento, além do COB - Comitê Olímpico Brasileiro.


''Foi um dia produtivo com treino em água para ver o que tem pra melhorar no barco. Fizemos exercícios físicos e vamos treinar ainda mais ao longo da semana visando os campeonatos internacionais '', contou o catarinense Guilherme Menezes, que estará ao lado de Fernando Menezes na 29er.


O Mundial da Juventude 2022, em Haia, na Holanda, será de 9 a 16 de julho. Em este evento estarão sendo avaliados por ultima vez os atletas primeiros classificados na Seletiva Nacional Jovem.


Os atletas são: Guilherme Araújo e Milena Araújo (Hobie Cat 16), Guilherme Menezes e Fernando Menezes (29er), Clara Meyer e Lívia Nogueira (29er), Alex Kuhl e Handrey Cantini (420) e Joana Gonçalves e Luísa Madureira (420). Erick Carpes (Ilca), Júlia Carreirão (Ilca), Marcos Americano (Kite), Hugo Queiroz (iQFoil) e Sofia Faria (iQFoil).


A preparação dos atletas sub-19 tem foco nos eventos internacionais neste ano. Entre os grandes eventos, além do Mundial da Juventude, estão o Sul-Americano de Vela Argentina e os Jogos Sul-americanos do Paraguai.


A CBVela conta com apoio da Equipe Multidisciplinar do Laboratório Olímpico Brasileiro. O grupo está trabalhando firme com a equipe técnica para ter a melhor formação possível dos jovens atletas.


A parceria da Confederação Brasileira de Vela (CBVela) com a Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania foi definida no fim do ano passado implantando o primeiro Núcleo de Base para a modalidade Vela (NEBAR) para apoiar a preparação de todas as equipes brasileiras da modalidade em suas categorias de base. O projeto pretende que os jovens atletas se aperfeiçoem na modalidade, com o propósito de levá-los ao alto-rendimento, incluindo participações em classes olímpicas e pan-americanas.


A vela é uma das modalidades mais vencedoras do esporte olímpico brasileiro. Soma 19 medalhas nos Jogos, incluindo nove de ouro. O País sempre está entre as potências em Jogos Pan-Americanos, com 63 medalhas ao todo, e conta com diversos campeões mundiais, com mais de 80.