top of page
Blue Ocean Elegant YouTube Channel Art (8).png

Prêmio Sou do Esporte coroa CBVela mais uma vez



A CBVela - Confederação Brasileira de Vela foi premiada na categoria “Modernização”, no 7º prêmio SDE - Sou do Esporte, na última sexta-feira (27). Além da honraria na categoria “Melhores Práticas”, a entidade ficou na segunda colocação na fase de “Estatuto”.


O evento foi transmitido pelo BandSports, no qual além da CBVela, outras confederações também foram premiadas, como a CTBM - Confederação Brasileira de Tênis de Mesa, CBRu - Confederação Brasileira de Rugby, CBVolêi, CBgolfe e Atletismo Brasil.


Além de realizar eventos, principalmente focados na vela jovem, a CBVela promove fórus e treinamentos para todas as classes e foca no desenvolvimento da vela feminina, com ações durante o ano todo.


''Isso é um fruto da equipe da CBVela. O prêmio é da equipe e agradeço a todos que se esforçam para os eventos serem realizados. Agradeço à todos pelo esforço e dedicação! Esse prêmio é da equipe CBVela!'', afirmou Marco Aurélio de Sá Ribeiro, Presidente da CBVela.


O presidente da CBVela também explicou o protagonismo das mulheres na CBVela e a importância de cada vez mais lutar pelo espaço feminino no esporte. ''Cabe a gente fazer é combater o machismo e termos mulheres na liderança''.


''O nosso trabalho é tirar essas amarras. Na vela, as mulheres são as protagonistas, como a Martine nossa grande campeã olímpica. O que podemos fazer é não atrapalhar, já que capacidade e talento todas mulheres do esporte possui. Agora precisamos quebrar essas barreiras'', finalizou.


A honraria reconhece pessoas, atletas e entidades que buscam melhorar o esporte no País. A premiação na categoria Governança é baseada no estudo de governança anual da SDE das confederações olímpicas reconhecido internacionalmente pela Play The Game, em cinco vetores e mais de 150 itens de análise.


A categoria “modernização” foi para a CBVela, que irá realizar diversas ações focada no meio ambiente e para a juventude na Copa da Juventude, a partir deste domingo (29), no YCSA - Yacht Club Santo Amaro, em São Paulo (SP), na raia da Represa de Guarapiranga.



Apoio à vela Jovem


A vela brasileira tem como destaque o Núcleo de Base do programa da Confederação Brasileira de Vela - CBVela junto com a Secretaria Especial do Esporte e a Secretaria de Especial do Alto Rendimento - SNEAR do Ministério da Cidadania para a vela jovem pelo Convênio 920223/2022.


O projeto ajuda no fomento à modalidade desde o ano passado. Sede da Rio 2016 e de outros grandes eventos da vela, a Marina da Glória, na capital fluminense, recebe adolescentes entre 13 e 17 anos para treinos visando eventos nacionais e internacionais da Vela Jovem. Outros campings de treinamento foram realizados no Clube Naval Charitas, em Niterói (RJ).


O trabalho leva jovens atletas a se aperfeiçoarem na modalidade, com o propósito de levá-los ao alto-rendimento, incluindo participações em classes olímpicas e pan-americanas.


Sobre a CBVela


A Confederação Brasileira de Vela (CBVela) é a representante oficial da vela esportiva do país nos âmbitos nacional e internacional. É filiada à Federação Internacional de Vela (World Sailing) e ao Comitê Olímpico Brasileiro (COB).



A vela é a modalidade com o maior número de medalhas de ouro olímpicas na história do esporte do Brasil: oito. Ao todo, os velejadores brasileiros já conquistaram 19 medalhas em Jogos Olímpicos.

bottom of page