Imagem com Logo e Redes Sociais do Mundo Mar

O 61º Salão Náutico de Genova traçou o caminho para o futuro.

Governo Italiano afirma que o setor náutico é decisivo para o desenvolvimento do País.



Com as declarações das autoridades Italianas presentes na abertura do Salão Náutico de Genova já deu para se ter uma idéia do que esta por vir para o setor por lá...


GIOVANNINI: “Gênova e o Salão atraem as melhores forças nacionais e internacionais. Apoiar o setor é dar oportunidades ”


BONOMI: "O 61º Salão Náutico ANUNCIA UM GRANDE SUCESSO QUE COMEÇA A PARTIR DA CONSTRUÇÃO DO ANO ANTERIOR"


TOTI: “Os barcos feitos na Itália reúnem tecnologia, design, grande habilidade e bom gosto. Aqui estamos construindo o futuro "


BUCCI: “NO FINAL DOS TRABALHOS, em 2023 teremos a maior e mais bela exposição do mundo em Gênova”


CECCHI: "As projeções de crescimento para 2021 no GLOBAL ROUPA DO SETOR são de + 23,8%"


FERRO: "Exportações italianas superiores aos níveis pré-cobertos, no primeiro semestre de 2021 + 4,1% em relação ao primeiro semestre de 2019"


A 61ª Salão Náutico foi inaugurada hoje, quinta-feira, 16 de setembro, em Génova , saudada por 300 convidados e pelo governo e autoridades locais: o Ministro das Infraestruturas e Mobilidade Sustentável Italiano Enrico Giovannini, o Presidente da Câmara de Génova Marco Bucci , o Presidente da Região da Ligúria Giovanni Toti, o Almirante representando o Chefe do Estado-Maior da Marinha, Giuseppe Berutti Bergotto , o Comandante Geral das Autoridades Portuárias, Nicola Carlone, o Presidente da Autoridade do Sistema Portuário do Mar da Ligúria Ocidental, Paolo Emilio Signorini . Presente o Presidente da ICE AGENZIA Carlo Maria Ferro e o presidente da Confindustria, Carlo Bonomi .


O prefeito de Gênova, Marco Bucci, traçou o caminho para o futuro. “ No ano passado estávamos em uma situação muito mais difícil aqui e o Salão foi um sucesso. Este ano, há sinais positivos vindos da indústria e isso também é positivo para o Gênova. Os trabalhos em curso nesta área terminarão em 2024 e farão de Génova a maior e mais bela feira do mundo ”.



O presidente da Confindustria, Carlo Bonomi, falou para saudar os convidados: “ O sucesso deste ano e dos anos futuros vem da capacidade de trabalharmos juntos como um país. Como Confindustria reconhecemos os muitos sucessos do país, como os Campeonatos da Europa e as Olimpíadas, mas é difícil reconhecer, no debate público, os sucessos da indústria italiana que são os sucessos que nos invejam em todo o mundo e quais são as excelências do mundo da indústria italiana, o de saber fazer coisas bonitas ”.


As saudações das autoridades foram seguidas pela conferência inaugural “Made in Italy, o país que move o país ”, moderada pela jornalista Maria Latella . O encontro explorou as oportunidades de revitalização oferecidas pelos belos e bem construídos setores e as reformas estruturais que as acompanham, desde a reestruturação da zona ribeirinha de Génova às infraestruturas previstas no PNRR.


O Ministro da Infraestrutura e Mobilidade Sustentável :

"Hoje é um dia importante para a Itália, mas também para o setor náutico tão decisivo para o desenvolvimento de nosso país e de atração internacional. O sucesso deste espectáculo atesta a capacidade de uma cidade, Génova, mas também de um evento, o Boat Show, em atrair as melhores forças nacionais e internacionais. Precisamos desenvolver mais nossos portos, incluindo a navegação de recreio. Também trabalharemos em conjunto com outras instituições para promover a navegação de recreio e marinas. O Decreto de Infraestruturas e Transportes recentemente publicado no Diário da República é o início deste caminho. Os trabalhadores da Marinha precisam de estabilidade e perspectivas. Apoiar este setor significa também dar oportunidades de trabalho a jovens e mulheres."


Saverio Cecchi , Presidente da Confindustria Nautica e eu Saloni Nautici: ” Com a nova orla em 2023 vamos deixar vocês sem palavras. O Genoa Boat Show é uma ferramenta fundamental para o mercado náutico e toda a sua cadeia de abastecimento. É um momento em que todo o sistema se encontra e impulsiona o país a reiniciar. Grandes feiras como a Móveis e Feiras Náuticas são atrativos para o turismo e um motor fundamental para a economia do país. Em 2020 tínhamos + 2,4% de colaboradores e as previsões de crescimento para 2021 no volume de negócios global são de + 23,8%. O barco está lá, a indústria está crescendo, mas o estado perde 40 milhões de IVA devido à reforma do arrendamento desejada pela Comissão da UE. "


Giovanni Toti , Presidente da Região da Ligúria: “ O barco italiano reúne tecnologia, design, grande habilidade e bom gosto. Estamos construindo o futuro como você pode ver. A mão que desenha aquela que será uma das mais belas orlas marítimas do mundo é a mesma que reconstruiu o viaduto, a ponte que ruiu no verão de três anos atrás. Acredito que este é o momento em que precisamos de responsabilidade, coragem e ambição. Acredito que esses três conceitos estão incorporados em Gênova hoje ”.



Carlo Maria Ferro , Presidente da ICE Agenzia: “O crescimento das exportações italianas no primeiro semestre de 2021 em relação ao primeiro semestre de 2019 é de + 4,1%. Isso significa que a exportação das empresas italianas já está acima dos níveis pré-cobertos. A Itália é o país com melhor desempenho entre os países do G8. A crise das exportações de 2020 foi essencialmente uma crise de demanda e, quando a demanda aumenta, o crescimento aumenta. O setor náutico também aumentou as exportações em 2020, registrando + 17% no semestre. O cenário competitivo internacional está mudando. Digital e sustentabilidade deixam de ser fatores de compliance, pois vão caracterizar a demanda, passando a ser fatores de competitividade e marketing e também fatores de escolha das novas gerações ”.



Carlotta de Bevilacqua , Presidente e CEO da Artemide: “ Devemos respeitar o planeta a partir do mar, só assim podemos imaginar uma vida melhor. Os dois Salões, o Milan Show e o Genoa Show, são um grande orgulho para o país. A relação entre Génova e Milão é certamente fundamental, mas temos de ir mais longe, na Europa. Gênova é um lugar de cultura de projeto. A Orla de Renzo Piano é uma excelência em design, humana, territorial e sustentável. Construir pontes também significa trocar conhecimento e humanidade. Por isso, a importância do comércio marítimo também deve ser mantida ”.



Renzo Rosso , Presidente do grupo OTB (Diesel ): “Precisamos trabalhar na cadeia de abastecimento. Pequenos artesãos, manufaturas e grandes empresas devem dialogar com a cadeia de suprimentos. É verdade que existem grandes marcas e gestores, mas só podem funcionar graças a tantos pequenos artesãos e pequenos produtores que dão prestígio e singularidade a este país ”.


A cobertura do Salone Náutico di Genova você vê nos canais no Mundo Mar


Por: Redação Mundo Mar

Fotos: Divulgação