top of page
Blue Ocean Elegant YouTube Channel Art (8).png

Lucas Freitas e Victoria Back vencem Mundial de 420



A flotilha do Brasil mostrou sua força no Mundial da Classe 420. Na última quarta-feira (10), Lucas Freitas e Victoria Back garantiram o título geral do Mundial da Classe 420. Com regatas no Rio de Janeiro(RJ), a dupla superou 78 adversários de diversas partes do Mundo. Já na disputa feminina, Joana Gonçalves e Gabriela Vassel asseguraram a medalha de bronze. Elas haviam vencido o Mundial da Juventude e o Sul-Americano da categoria em dezembro.


As regatas do Mundial foram marcadas pelo equilíbrio. Após 12 provas, Lucas e Victoria levaram o ouro, com os italianos Lisa Vucetti e Vittorio Bonifacio conquistando a medalha de prata, e Joe Leith e Joshua Ferrisey medalha de bronze, representando a Nova Zelândia.


As atuais campeãs do Mundial da Juventude, Joana Gonçalves e Gabriela Vassel chegaram mais um vez no pódio. Desta vez, a medalha foi de bronze também com 12 regatas. As brasileiras subiram no pódio com as campeãs Iakovina e Danai, da Grécia e as vice-campeãs espanholas Paula Bueno e Isabel Bueno.


“Foram muitos meses de viagens e treinamentos intensos. Fizemos muitas restrições para chegar nesse título e valeu a pena! O campeonato foi muito competitivo e ainda não acredito que ganhamos, era inimaginável em nossas mentes vencer! Queria muito agradecer todas pessoas que ajudaram nesse processo até o título”, exaltou Lucas Freitas, Campeão Mundial de 420.


O Mundial da Classe 420 foi disputado entre 3 e 10 de janeiro, no Iate Clube do Rio de Janeiro. Confira a súmula completa e fotos no site oficial da competição Internacional: https://2024worlds.420sailing.org/en/default/races/race.



Apoio à vela Jovem


A vela brasileira tem como destaque o Núcleo de Base do programa da Confederação Brasileira de Vela - CBVela junto ao Ministério do Esporte pelo Convênio 920223/2022.


O projeto ajuda no fomento à modalidade desde o ano passado. Sede da Rio 2016 e de outros grandes eventos da vela, a Marina da Glória, na capital fluminense, recebe adolescentes entre 13 e 17 anos para treinos visando eventos nacionais e internacionais da Vela Jovem. Outros campings de treinamento foram realizados no Clube Naval Charitas, em Niterói (RJ). 


O trabalho leva jovens atletas a se aperfeiçoarem na modalidade, com o propósito de levá-los ao alto rendimento, incluindo participações em classes olímpicas e pan-americanas.


Sobre a CBVela


A Confederação Brasileira de Vela (CBVela) é a representante oficial da vela esportiva do país nos âmbitos nacional e internacional. É filiada à Federação Internacional de Vela (World Sailing) e ao Comitê Olímpico Brasileiro (COB).


A vela é a modalidade com o maior número de medalhas de ouro olímpicas na história do esporte do Brasil: oito. Ao todo, os velejadores brasileiros já conquistaram 19 medalhas em Jogos Olímpicos.


Foto: Fred Hoffmann

bottom of page