top of page
Blue Ocean Elegant YouTube Channel Art (8).png

Copa da Juventude 2024 começa em Brasília (DF)



As regatas da 30ª edição da Copa da Juventude de Vela - Campeonato Brasileiro Interclubes de Vela começam nesta quarta-feira (31) no ICB - Iate Clube de Brasília. A competição da nova geração da modalidade deve reunir mais de 150 atletas até 4 de fevereiro no Lago Paranoá. 


A competição será aberta às classes ILCA 6, 420, iQFoil Júnior e 29er para ambos os gêneros e na versão mista no caso das categorias em duplas. O evento terá representantes de 15 clubes do país. A última edição ocorreu no YCSA - Yacht Club Santo Amaro, em São Paulo (SP) com mais de 100 atletas.


A Copa da Juventude de Vela será realizada após o sucesso do Mundial da Juventude de Búzios, que foi disputado em dezembro do ano passado com atletas de todo mundo na raia do litoral fluminense.


''A CBVela tem como objetivo desenvolver as categorias de base e esse evento é um exemplo da força da nova geração da modalidade. Além das regatas, que sempre são fortes tecnicamente, temos uma série de atividades paralelas de formação de árbitros e treinadores, bem como palestras entre ídolos do esporte com a garotada'', disse Marco Aurélio de Sá Ribeiro, presidente da CBVela.


A Copa da Juventude de Brasília será seletiva para a entrada no Programa de Alto Rendimento (PAR) da CBVela com gestão do Conselho Técnico de Vela Jovem e da Diretoria da CBVela que inclui entre outros objetivos avaliações para a formação da Equipe Brasileira de Vela Jovem que irá representar o Brasil no Campeonato Mundial da Juventude da World Sailing, a ser realizado em julho de 2024 no Lago di Garda, na Itália.


O bicampeão olímpico Torben Grael fará na quinta-feira (1) um bate-papo com a nova geração da modalidade nas dependências do Iate Clube de Brasília após as regatas do dia. A CBVela promove também clínica com árbitros e um fórum de treinadores liderados por Juan Sienra, gerente de esportes da entidade.


''É o último passo para a vela olímpica. É importante para preparar a entrada desses atletas nas categorias acima, o nosso futuro. É uma honra receber os atletas e toda a organização nesta semana'', explicou Gustavo Raulino, diretor de vela do ICB DF.


Apoio à vela Jovem


A vela brasileira tem como destaque o Núcleo de Base do programa da Confederação Brasileira de Vela - CBVela junto ao Ministério do Esporte pelo Convênio 920223/2022.


O projeto ajuda no fomento à modalidade desde o ano passado. Sede da Rio 2016 e de outros grandes eventos da vela, a Marina da Glória, na capital fluminense, recebe adolescentes entre 13 e 17 anos para treinos visando eventos nacionais e internacionais da Vela Jovem. Outros campings de treinamento foram realizados no Clube Naval Charitas, em Niterói (RJ). 


O trabalho leva jovens atletas a se aperfeiçoarem na modalidade, com o propósito de levá-los ao alto rendimento, incluindo participações em classes olímpicas e pan-americanas.


Sobre a CBVela


A Confederação Brasileira de Vela (CBVela) é a representante oficial da vela esportiva do país nos âmbitos nacional e internacional. É filiada à Federação Internacional de Vela (World Sailing) e ao Comitê Olímpico Brasileiro (COB).


A vela é a modalidade com o maior número de medalhas de ouro olímpicas na história do esporte do Brasil: oito. Ao todo, os velejadores brasileiros já conquistaram 19 medalhas em Jogos Olímpicos.

Foto: Fred Hoffmann

 

 

 

bottom of page