top of page
Blue Ocean Elegant YouTube Channel Art (8).png

Cerimônia de abertura da Copa da Juventude 2023 no YCSA


A cerimônia de abertura da Copa da Juventude 2023 foi realizada neste domingo (29), no Yacht Club Santo Amaro - YCSA, em São Paulo (SP). O principal evento de vela jovem do país reunirá mais de 150 atletas de até 18 anos em regatas até o próximo sábado (4). Representantes da Bahia, Distrito Federal, Maranhão, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo participam da tradicional competição.


As provas têm início na terça-feira (31) a partir de 13h para as classes ILCA 6, 420, 29er, IQFoil e Fórmula Kite. A Copa da Juventude terá, além das regatas na Represa do Guarapiranga, palestras, clínicas e consultorias com treinadores, profissionais do esporte e medalhistas olímpicos, como Alex Welter, primeiro a ganhar uma medalha de ouro na modalidade pelo Brasil em Moscou 1980.


O evento abriu com o tradicional desfile das delegações dos estados e teve o hasteamento de todas as bandeiras das federações. O comodoro do Yacht Club Santo Amaro, Ronaldo Reimer, do presidente da CBVela - Confederação Brasileira de Vela, Marco Aurélio de Sá Ribeiro, e representantes da entidade e dos clubes de vela do país.


''É o evento mais importante para a vela jovem brasileira, que reúne várias classes. Chegamos em 150 atletas de nove estados, um recorde! Sinal que a vela está crescendo no Brasil. O YCSA tem o DNA da vela competitiva, faz parte da nossa missão. Nossos atletas sempre participam desse evento e quando possível, o clube sedia a competição. A última foi em 2015 e agora estamos novamente'', disse Ronaldo Reimer, comodoro do YCSA.


A CBVela e o YCSA são parceiros na organização da Copa da Juventude. O evento poderá indicar parte dos representantes para defender o país no Mundial da Juventude 2023, que será realizado em Búzios (RJ). As provas internacionais serão de 8 a 16 de dezembro.


''O YCSA é um dos maiores formadores de atletas do Brasil e nos recebe tão bem novamente. A vela jovem é uma realidade e a CBVela apoia eventos e a formação deles. Esse é o nosso futuro, o futuro do nosso esporte'', contou Marco Aurélio de Sá Ribeiro, presidente da CBVela. ''Nossa ideia é fazer uma grande competição em local de água abrigada, como na Represa do Guarapiranga. O YCSA é um clube ideal para formar novos velejadores''.


O Brasil soma ao todo 16 medalhas na história do Mundial da Juventude. A primeira medalha foi obtida por Robert Scheidt na classe Laser em Largs, na Escócia, em 1991. O bicampeão olímpico é representante do YCSA desde o início de sua carreira.


O chefe de gabinete da secretaria de esportes do estado de São Paulo, Estevam Rodrigues da Silva, representou o governador Tarcísio de Freitas na cerimônia de abertura da Copa da Juventude 2023. Além de conhecer as instalações do YCSA, o representante oficial do governo conversou com atletas, que são o futuro da modalidade.


''É um evento que reúne atletas do Brasil inteiro. A vela nos trás lembranças olímpicas, principalmente de medalha. Vamos fomentar ainda mais esse esporte no estado''.


Entrevista com os organizadores -- https://youtu.be/Fr9jDvJqGfA


Comments


bottom of page