top of page
Blue Ocean Elegant YouTube Channel Art (8).png

CBVela abre curso de formação de treinadoras



A CBVela - Confederação Brasileira de Vela em parceria com o COB - Comitê Olímpico Brasileiro abriram um curso 100% focado na formação de treinadoras mulheres para a modalidade. O objetivo do curso de formação é qualificar as profissionais do esporte para o alto rendimento.


A iniciativa, que será liderada pela diretoria de desenvolvimento da vela feminina, pretende qualificar nos próximos anos até 15 treinadoras de diferentes regiões do Brasil.


Para atingir esse número, serão oferecidas aulas online, mentoria e dois blocos de treinamento em água ao longo do ano.


''A área de desenvolvimento da vela feminina possui valores bem definidos, como acreditar que as mulheres merecem iguais oportunidades no esporte e na vida, e que a representatividade é fundamental para inspirar novas gerações''.


''Ainda, entende que todo indivíduo tem potencial de impactar a comunidade ao seu entorno, e que a comunidade da vela deve estar envolvida, tendo homens como aliados'', contou Lígia Becker, diretora da área de desenvolvimento da vela feminina.


A vela feminina do Brasil foi a responsável pelas últimas duas medalhas olímpicas da modalidade, ou seja, ouro de Martine Grael e Kahena Kunze na Rio 2016 e em Tóquio 2020. Uma das integrantes do projeto é a treinadora Martha Rocha, que hoje lidera os treinamentos da dupla brasileira na campanha para Paris 2024.


''Atualmente temos atletas brasileiras com um conhecimento espetacular sobre a modalidade, figurando entre as melhores do mundo, percebemos que é o momento ideal para aproveitar o capital humano disponível e investir em um projeto de formação de treinadoras de alto rendimento'', disse a treinadora Martha Rocha.


O prazo limite para inscrição é 25 de abril de 2023. O link é https://forms.gle/o2NfRU4BjB15pgSK6


''Hoje enfrentamos um grande e urgente desafio de aumentar a presença feminina nas diversas áreas da vela. Entendemos que o trabalho das treinadoras serve de inspiração e incentivo para a formação de atletas e para a construção de um esporte com menos desigualdade de gênero'', explicou Maria Hackerott, umas das responsáveis pelo projeto.


Steering The Course


A Marina da Glória, no Rio de Janeiro (RJ), sediou de 10 a 14 de fevereiro o Steering The Course, curso que faz parte do programa da vela feminina mundial e visa preparar treinadoras para trabalhar com o alto rendimento.


Ao todo, 15 técnicas mulheres participaram das atividades gratuitas com a profissional da Inglaterra Rebecca Ellis, treinadora e colaboradora da World Sailing - Federação Internacional de Vela.


O Steering The Course está realizando ações dentro e fora da água e tem a parceria da CBVela - Confederação Brasileira de Vela, Academia Brasileira de Vela e a BR Marinas, que administra o local. Os treinamentos na Baía de Guanabara contaram com os veleiros J24 da Marinha do Brasil e botes à disposição.


A clínica ampliou o conhecimento técnico nacional com base nas informações fornecidas pelos experts da World Sailing durante o curso. O Steering The Course busca desenvolvimento de uma rede de apoio e trabalho entre mulheres treinadoras.


Apoio à vela Jovem


A vela brasileira tem como destaque o Núcleo de Base do programa da Confederação Brasileira de Vela - CBVela junto ao Ministério do Esporte pelo Convênio 920223/2022.


O projeto ajuda no fomento à modalidade desde o ano passado. Sede da Rio 2016 e de outros grandes eventos da vela, a Marina da Glória, na capital fluminense, recebe adolescentes entre 13 e 17 anos para treinos visando eventos nacionais e internacionais da Vela Jovem. Outros campings de treinamento foram realizados no Clube Naval Charitas, em Niterói (RJ).


O trabalho leva jovens atletas a se aperfeiçoarem na modalidade, com o propósito de levá-los ao alto rendimento, incluindo participações em classes olímpicas e pan-americanas.


Sobre a CBVela


A Confederação Brasileira de Vela (CBVela) é a representante oficial da vela esportiva do país nos âmbitos nacional e internacional. É filiada à Federação Internacional de Vela (World Sailing) e ao Comitê Olímpico Brasileiro (COB).


A vela é a modalidade com o maior número de medalhas de ouro olímpicas na história do esporte do Brasil: oito. Ao todo, os velejadores brasileiros já conquistaram 19 medalhas em Jogos Olímpicos.


Foto: Fred Hoffmann



Comments


bottom of page